Publicidade publicidade | Portal Evangélico

Justiça: abuso sexual infantil agora é crime inafiançável

Publicado em 16 de Maio de 2014 às 18:02 Fonte: Veja
Exibições: 1388 Comentários

Um projeto de lei que torna hediondo o crime de exploração sexual de crianças e adolescentes foi aprovado nesta quarta-feira (14) pelo plenário da Câmara. O projeto, que vai agora à sanção presidencial, prevê que condenados pelo crime não poderão ter nenhum direito à liberdade provisória, anistia ou indulto.

 
Além disso, o texto aprovado também prevê que o ato de favorecer a prostituição ou outra forma de exploração sexual de criança, adolescente ou vulnerável também se torne crime inafiançável sob pena de pena de quatro a dez anos, que deverá ser cumprida em regime fechado. Pode haver progressão do regime, no entanto, somente após o cumprimento de dois quintos da pena, para réus primários, e de três quintos para reincidentes. Essas penas também serão aplicadas a quem for flagrado, ainda em contexto de prostituição, praticando sexo ou ato libidinoso com alguém com mais de catorze anos e menos de dezoito.
 
Atualmente, homicídio qualificado e execuções por grupos de extermínio já são considerados crimes hediondos. Além desses, também são hediondos os crimes de latrocínio, extorsão mediante sequestro e estupro. “Um dos crimes mais graves de que temos conhecimento é a exploração sexual de crianças. Poucos comportamentos suscitam tanto repúdio social, sobretudo quando resulta em atentado à liberdade sexual e se revela como a face mais nefasta da pedofilia”, reforça o autor do projeto, senador Alfredo Nascimento (PR-AM).
 
Pontos de risco em rodovias
 
Conforme levantamento da Polícia Federal e da Secretaria de Direitos Humanos, existem mais de 1.800 prontos de risco de exploração sexual de crianças e adolescentes em rodovias federais. Somente na Operação Anjo da Guarda, deflagrada em 2005, a Polícia Federal conseguiu resgatar em uma madrugada 48 adolescentes e três crianças vítimas de abuso nas estradas e prendeu 27 adultos. Em 2010, havia um ponto de prostituição a cada onze quilômetros das rodovias paulistas.
 
Ainda existe uma verdadeira rede de exploração sexual de crianças em vários pontos do Brasil, segundo a relatora da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, a deputada Liliam Sá (Pros-RJ). “Há muitos pedófilos e exploradores de crianças que precisam ser presos e, só assim, as crianças serão prioridade neste país”, disse Liliam.

Comentários

Você pode selecionar um ou mais smiley face para inserir em seu comentário

Todos os comentários nesta página estão sujeitas aos nossos Termos de Uso e não refletem necessariamente a opinião do Portal Fiel ou dos seus colaboradores. Ajude-nos a acompanhar os comentários que são ilegais, prejudicial, ameaçador, abusivo, vexatório, difamatório, vulgar, obsceno, odioso, ou racial, étnico ou censurável.

Bíblia Brasil

Notícias

Notícias gospel
O mundo irá acabar em 2016? 11 de Fevereiro de 2016 às 22:14

Em 1847, um grupo de colonos americanos ficou isolado devido ao inverno, e enquanto o frio

CNBB volta a criticar aborto em caso de microcefalia 11 de Fevereiro de 2016 às 17:00

O presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), dom Sérgio

Ministério da Saúde confirma terceira morte pelo vírus da zika 11 de Fevereiro de 2016 às 10:21

O Ministério da Saúde confirmou a terceira morte pelo vírus da zika,

Marca rara de selo do rei bíblico Ezequias é encontrada em Jerusalém 04 de Dezembro de 2015 às 12:29

O artefato que representa a marca do selo do rei Ezequias que segundo a história aj

Atriz pornô diz ser evangélica em entrevista 30 de Outubro de 2015 às 17:24

Kamilla Werneck, atriz de filmes eroticos afimou durante entrevista que sua profissã

Copyright © Portal Fiel - Gospel | Teresina | Piauí - Todos os Direitos Reservados

 

As imagens utilizadas neste site são frutos de pesquisas na internet, e podem possuir direitos autorais. Caso seja o autor de alguma imagem e gostaria de ter seu nome incluído ou mesmo não permitir o uso da imagem entre em contato com o site.